terça-feira, 6 de setembro de 2011

Dinheiro, relação amor-ódio

Foto retirada de gamingangles

«Se um homem anda atrás de dinheiro, é louco por dinheiro;
Se o guarda, é um capitalista;
Se o gasta, é um vadio;
Se não o arranja, é um vádio;
Se não tenta obtê-lo, não tem ambição;
Se o obtêm sem trabalhar para isso, é um parasita;
E se o acumula após uma vida inteira de trabalho duro,
As pessoas chamam-lhe um tolo que nunca aproveitou a vida.»

Vic Oliver

5 comentários:

Candybabe disse...

ahahaahahhahahahahahah

É o chamado: Preso por ter cão e por não ter... ;)

Cristina Araújo disse...

Há que arranjar o meio termo :)

na america profunda disse...

mas e' mesmo verdade lol
bjinhos

universo peca disse...

O dinheiro para mim é das coisas menos importantes, o importante é o que consguimos garantir: abrigo, transporte e alimentação. e Claro.. uma ou outra extravagância mas muito pequenina, tipo comprar "aquele" material para a Peca ou ir comer um sushi como recompensa de algum trabalho que consigo entregar. Acredito muito no poder das "trocas" e de reduzir o que necessitamos ao essencial. Bjosss

Cristina Araújo disse...

Peca disseste uma coisa muito importante que será alvo de um post.
O sistema de recompensas pessoais.
Temos de festejar todos os passos importantes que dá-mos na vida, isso é muito importante para o nosso bem- estar e dá-nos motivação para continuar em frente.
Nunca se esqueçam de festejar os pequenos passos que alcançam em direcção ao vosso objectivo, nem que isso se traduza como disseste em ir comer um sushi.

Beijinhos